O que aprendi Caminhando

2 de julho de 2020 Antonio JR

Embarquei nas peregrinações com o intuito de me encontrar, precisa de desconexão com o mundo que eu estava vivendo e esse caminho, literalmente, mudou o curso da minha vida. A longa jornada que tive até aqui trouxe um montante de clareza para minha vida e meus projetos. É claro que nesse processo todo existe uma bagunça mental, mas foi caminhando que os meus fantasmas e limites vieram a tona e me redescobri.

Por mais simples que pareça, uma caminhada é capaz de esclarecer e organizar os nossos pensamentos. E aqui eu não falo de uma caminhada longa, como as peregrinações que fiz. Você não precisa se tornar um super atleta para fazer caminhadas. Uma volta durante a manhã, num local onde você tem contato com a natureza, pode te tornar mais criativo e produtivo. 

“Mas como uma caminhada pode me ajudar?” você deve estar se perguntando. A resposta é bem clara: enquanto você anda, seu cérebro e seus pensamentos vão se organizando. E isso funciona tanto para o plano profissional, quanto para o pessoal.

Você pode estar numa situação de confusão, onde deve tomar uma decisão e se sente pressionado. Dentro de casa, sentado à mesa do computador, tudo o que a sua mente fará é se preocupar com aquela situação. Sair, desligar-se daquilo e caminhar, o ajudará a esclarecer o problema, pensar em absolutamente tudo.

Caminhar sozinho me ensinou e ainda me ensina muito sobre autoconhecimento. Nas peregrinações pude entender como os nossos sabotadores agem, como somos suscetíveis a nos entregar para eles e como criamos desculpas cada vez mais elaboradas para não fazer o que precisamos. Esse comportamento nos transforma em perito em enganar a nós mesmos. 

E tudo, tudo mesmo, está na sua mente. Quanto mais você conseguir organizar seus pensamentos e se autoconhecer, mais tende a ter uma percepção melhor do mundo. As experiências nos dão sabedoria e nos moldam. Cabe a nós controlar os pensamentos que não nos deixam evoluir.

Portanto, comece pequeno, como tudo na vida. Caminhe duas vezes por semana. Aumente a frequência de acordo com os limites do seu corpo. Aproveite os dias de sol para repor as energias e, sempre que possível, tente ter contato com a natureza. Revigore-se com um hábito simples, mas transformador.

Grupo para o Caminho de Santiago em setembro/21 – (clique e conheça)

Grupo Caminho de Santiago

 

Venha pra nossa Rede: Facebook   Instagram   Twitter

Veja todos nossos posts do Caminho de Santiago clicando aqui Quer curtir livros do Caminho de Santiago? Se você já fez o Caminho ou sonha em fazer um dia, esses dois belíssimos livros irão encantar você ! Clique na imagem para conhecer mais:

Livro O Segundo Chamado
Livro Fotográfico Caminho Santiago
clients

Caminharam comigo!

Antonio JR

Sou um amante da natureza e de esportes outdoor. Corredor de montanha, sou um aficionado por trilhas e terrenos acidentados. Tenho um carinho por tudo que envolve arte e a música é outra atividade que me libera endorfina. Um apaixonado pelo mundo, acredito no poder transformador de cada viagem e com elas adquiro vivência e experiência para minha vida.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *